O Brexit da Argentina e o futuro do Mercosul, por Fernando Lagares Távora

No início da crise sanitária do novo coronavírus, a Argentina anunciou a decisão de que não participaria de algumas negociações comerciais do Mercosul para prevenir e combater os efeitos da pandemia no país.

Posteriormente recuou, sugerindo que participaria das negociações em um ritmo diferente dos demais membros do bloco.

Em estudo legislativo, o Consultor Legislativo do Senado Federal – Fernando Lagares Távora, procurou analisar: se seria a pandemia, de fato, a justificativa por trás da decisão do governo argentino; os riscos para as negociações comerciais em curso no âmbito do Mercosul; e os reflexos para o agronegócio brasileiro e argentino.

No mesmo trabalho, Távora se debruçou sobre a relação comercial entre o Brasil e a Argentina e avalia as causas, as consequências e os impactos jurídicos, políticos, econômicos e sociais de eventual brexit (saída) da Argentina – bem como conjecturou acerca de prognósticos para o futuro do Mercosul.

Clique aqui e confira a íntegra do artigo