Marcelo Câmara lança seu 1º livro de poesia

O Consultor Legislativo do Senado Federal aposentado, Marcelo Câmara, lança, no Rio, o livro O Verbo e a Lira, obra que reúne 42 poemas, escritos no período de 1966 a 1989. Trata-se do nono livro do jornalista, escritor, consultor cultural e empresarial, e o primeiro de poesia. O lançamento, em livro físico e e-book, é do selo Mais Histórias, pertencente à Mauad, editora que, desde 2001, publica as obras do autor, e pode ser adquirido nas livrarias e via Internet,  pelo link https://play.google.com/store/books/details?id=L6lVEAAAQBAJ

A Apresentação da obra, de 119 páginas, é do consagrado poeta, ensaísta e professor, Jayro José Xavier, que, já em 1973, escrevia sobre o trabalho literário de Marcelo Câmara: “Esta é uma poesia que se preza de suas origens e de sua função. Uma poesia marcada, de um lado, por um forte sentimento do mundo e, de outro, por um domínio quase absoluto do verbo – domínio que, não sendo absoluto, já o revela, ao poeta, consciente de seu ofício, o árduo e enganoso ofício de encantar palavras.”

Em 2021, Jayro retoma sua análise, ainda na Apresentação: “Da leitura dos agora quase 50 poemas de seu livro ressaltam duas coisas. A primeira é a justeza do título. O poeta tem consciência disso e o revela numa epígrafe: ‘O Verbo me anuncia / feliz e menor. / A razão é a Lira’. (…) A segunda decorre em parte da primeira. Na contramão de Drummond, o poeta de Nudez – que escreve, desnudando-se: ‘Não cantarei amores que não tenho / e, quando tive, nunca celebrei’ –, Marcelo se mostra, dominantemente, um lírico amoroso. Sua matéria é o Amor (assim mesmo com maiúscula), não o “nada” do poeta mineiro. (…) De resto, ninguém melhor que Marcelo para falar de poesia. De sua poesia (que é linguagem, mas também metalinguagem). E é o que ele faz, ao destacar como pórtico de seu livro (…) Ali se lê que poesia é, dialeticamente:

medeia de cabelos sufocantes

guilhotina

de

flores”

A capa e o projeto gráfico de O Verbo e a Lira são criações da designer Marcela Petersen.

Produzido por Luciano Henrique Oliveira, estudo aprofundado sobre o Regimento Interno do Senado tem versão digital gratuita

Já está disponível na Livraria do Senado o livro Comentários ao Regimento Interno do Senado Federal – Regras e práticas regimentais da Câmara Alta da República, escrito pelo consultor legislativo Luciano Henrique Oliveira.

Publicada em dois volumes, a obra é um estudo aprofundado e teórico das normas regimentais, dos motivos das soluções adotadas e dos diversos ritos e incidentes utilizados no processo legislativo do Senado.

Diferentemente dos livros existentes a respeito do tema, que costumam ser voltados a participantes de concursos públicos, Comentários ao Regimento Interno do Senado Federal  é rico em detalhes.

“Além de questões doutrinárias, o livro trata de práticas às vezes não escritas do Regimento, mas que são adotadas pelos parlamentares no Senado”, explica Oliveira. “A obra pode ser muito útil para assessores, parlamentares, cientistas políticos, jornalistas e todos aqueles que queiram se aprofundar mais sobre as regras que regem o processo legislativo no Senado Federal”, acrescenta.

A versão digital do livro, em PDF, pode ser baixada de forma gratuita no site http://livraria.senado.leg.br.

Cadernos da Reforma Administrativa

Os Cadernos da Reforma Administrativa irão percorrer alguns dos principais aspectos que deveriam compor o centro de qualquer reforma, voltada à racionalização da estrutura estatal e à melhoria do desempenho institucional agregado do setor público brasileiro, medido este não apenas pelo critério rápido e fácil da eficiência do gasto público, mas principalmente pelos critérios da eficácia e efetividade da ação pública.

Leia Mais